domingo, 28 de setembro de 2014

Diário de Anita: Por que não ver a realidade - Capítulo 10 - Enganos do coração...


Na casa de Anita

-Filha, estou te atrapalhando?
-Oi mãe, não! estou estudando, queria alguma coisa?
-Queria conversar um pouquinho com você.
-Tenho percebido que você anda meio tristinha, aconteceu alguma coisa?
-Imagina mãe, eu estou bem?
-Filha, pode se abrir comigo! aconteceu alguma coisa entre você e o Augusto?
-Eu não tenho mais visto ele, vocês brigaram?

-Mãe, eu não gostaria de conversar sobre isso!
-Filha, vocês são jovens e muito inexperientes ainda. Mas não é qualquer briguinha que pode deixar você triste assim, imagina quando casarem?!
-Tem horas que eu me aborreço com o seu pai, mas eu não deixo transparecer para não chateá-lo também, logo conversamos e tudo se resolve!
-Porque você não chama o Augusto esse domingo para ir a igreja conosco?

-Eu não sei mãe, o Augusto não quer saber de igreja!
 -Convida filha, não custa nada, tem coisas que só Deus pode resolver e se vocês colocarem juntos esse namoro nas mão de Deus, então serão muito felizes.
-Mas chega de blá, blá, blá né? e chega de estudar por hoje meu amor, está na hora de dormir.
-Beijo e boa noite.
-Beijo mãe, dorme com Deus.

Enquanto isso no caminho para a casa de Mari...

Eu te acho um gatinho cara, verdade!...
Eu já falei para a Nita.
Ela tem muita sorte...
E por cima você é bem cheiroso.
Mari, acho que você está bêbada.
Ah! só porque eu estou falando a verdade (risos)
Eu gostei de você, a Anita é a minha amiga, mas o que eu posso fazer, a gente não manda no coração.

Por favor Mari, não fale bobagens, você nem sabe o que está dizendo.
Promete que você vai me ligar, para termos um encontro como hoje, eu gostei muito.
Promete?
Mari me diz, onde eu devo parar, estamos chegando?
Hum deixa eu ver...
Vira aquela esquerda ali, no portão verde...
Isso, ali naquele portão verde!

Pronto você está entregue em sua casa.
Posso te agradecer? vem aqui.
Que isso Mari?
(Risos)
É só um selinho de amiga (risos)
Você não está nada bem, espera deixa eu abrir a porta para você descer.
Obrigada viu?! você é um amor!
Vou esperar seu telefonema, ou perdeu meu telefone?
Não, não eu ainda tenho.
Boa noite, tchau.
Boa noite...



sábado, 27 de setembro de 2014

Fé não fingida.





Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida.
1Timóteo 1:05

Tudo o que Deus quer de nós, é que venhamos respeitar os mandamentos que Ele nos deixou, afim de que tenhamos uma vida plena e de vitórias.
Deus é muito misericordioso, mas não significa que seja bobo.
Porque no mundo se fulano é muito bonzinho, então é taxado de bobo e fazem dele de gato e sapato.
Mas Deus é a soberania, se Ele quisesse, Ele mesmo acabaria com cada um de nós devido as nossas muitas falhas e pecados, mas Ele é amor (misericordioso), mas...
... Também é Justiça.

Por isso, cada um de nós iremos dar conta dos nossos atos, se houver em nós Temor , obediência e arrependimento, então escaparemos do sofrimento eterno (inferno) ou pior, o lago de fogo e enxofre e Reinaremos na glória com Cristo.
Por isso, vale muito mais uma vida com ordem e disciplina, mas fazendo o que é justo e correto, do que uma vida fácil e de portas largas. 
O fim dos dois caminhos são muito diferentes.
Você é quem escolhe o seu final.
No final, valerá muito a pena cada sacrifício e renúncia que fizermos por amor e respeito a Deus.

Fique bem, fique na fé!

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Diário de Anita - Por que não ver a realidade? - Capítulo 9 - Minha melhor amiga


Para variar o Augusto ainda estava me dando um gelo...
Eu me sentia culpada, triste, desolada...
Uma semana e nada de notícias dele.

Na escola a Mari era a minha confidente, contei tudo para ela e mais um pouco.
Ainda bem que ela tinha paciência em me ouvir, era uma grande amiga.

-Nita, fica tranquila amiga, os homens são assim.
Mas presta atenção, nada de ficar correndo atrás dele.
Ele não quis assim, dá um gelo nele também, deixa ele vir atrás de você que nem um cachorrinho...
-Mas Mari...
É isso mesmo amiga, você vai ver que ele vai voltar rapidinho para você - finalizou Mari.

Nossa! Eu não conseguia ser igual a Mari, mas suas palavras ecoavam na minha cabeça.

No barzinho da Alameda

Jackson, já tem quase duas semanas que eu e a Anita estamos desentendidos.
-Mano, mas o que aconteceu?
Sei lá cara, a Anita fica se fazendo de difícil, fresquinha.
Estamos juntos há um tempão, eu gosto muito dela, mas eu a quero.
-Cara, você está dizendo que você nunca pegou a Anita?
Você é um herói, como consegue? Você é louco!
Eu a respeito muito, ela não é qualquer garota, sabe?
- Mesmo assim cara, você é homem, não sei como aguenta.
E se ela te ama de verdade, sei lá brother, já tinha de ter rolado.
Sei lá irmão, eu gosto muito dela!

Neste momento Mari aparece no barzinho...

- Oi Augusto, coincidência encontrar você aqui no barzinho!
- Oi Jackson, tudo bem?
Vocês se conhecem? Perguntou Augusto...
- Sim...
Augusto eu queria levar um papo contigo, pode ser?
-Bom gente, eu vou deixar vocês a vontade! Falou mano! Se despediu Jackson...

-Augusto eu já estou sabendo o que aconteceu entre você e a Anita.
Ela te contou, foi?
Contou sim...
E o que você pretende fazer?
Eu não sei, preciso de um tempo para pensar em nosso relacionamento.
Sabe, eu concordo com você, me paga uma bebida?

-Nossa você vai ficar nesta coca cola com gelo e limão?
Bebe uma comigo, só uma vai, para acompanhar!
Não eu não bebo!
Nossa que menino certinho!
Mas me fala sobre vocês...

E o papo continuavam entre eles, a noite se aproxima e Mari havia bebido um pouco a mais da conta.

-Bom, está na hora da gente ir, você mora muito longe?, eu posso te dar uma carona.
Ah, mas o papo está tão bom, faz tempo que eu não me divirto tanto!
Vamos ficar mais um pouquinho?
Não Mari, já chega. Você não está nada bem, vamos eu te levo.
Garçom, por favor a conta!

Enquanto isso no meio do caminho...





sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Ela é autoritária


Ela grita, se impõe, chora, faz drama e tudo tem de ser do jeito dela.
Ela quer ser o centro das atenções, quer ser querida por muitos, mas o pouco que vive ao seu redor é maltratado.
A ignorância toma conta dela e o orgulho não a deixa ver.
Alguns dizem ser ela "mulher/macho", tamanha é a sua braveza.
Não sabe ser doce e querida e sua palavra tem de ser sempre a última.
Seu marido vive reprimido e ela diz que sua justificativa é porque ele é muito devagar e não tem iniciativa.
Claro que ele não tem iniciativa, toda vez que ele pensa em fazer algo, ela o desprecia, e para evitar mais uma discussão ele prefere se anular, para não ter que por um ponto final nesta relação.
Ela acha que arrebenta e que agindo desta forma todos a respeitam, mas ela se esquece de que o respeito não é imposto e sim conquistado.
E que com este jeito orgulhoso, autoritário e cara feia, ela quem ganha a depreciação dos outros.
No fundo ela sabe que é infeliz e que precisa de ajuda!

...

Deus pode te ajudar...
Mas primeiro você precisa reconhecer que o que esta fazendo é errado e que você não é a dona da razão, precisa quebrar esse orgulho e ter força de vontade para lhe por no seu devido lugar, deixa o restante com Deus... Com certeza você será outra pessoa.

Na fé, sempre!

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Atrevida eu?


Chegou, sentou... E já foi tomando seu lugar.
Não pede opinião, não pede por favor e nem sabe agradecer.
Sua frase predileta é: - Eu acho melhor assim.
E ponto final, porque se você tentar expor o que você acha melhor, é briga. Argumentos sem fim que você terá de ouvir.
A pessoa atrevida aparenta ser uma pessoa sem temor. Ela acaba ficando mal vista por todos.
Ela nunca está disposta a aprender, não aceita repreensão, ou ouvir uma verdade que já fica com a cara emburrada, parece que nasceu sabendo tudo e se for mais velha que você seja por idade ou tempo de serviço, ai que ela acha que tem mais razão.
Falta lhe humildade para reconhecer o seu lugar.
Uma pessoa que age com atrevimento, que acha que sabe mais que outros e que não aceita aprender, só acha que ela é quem deve ensinar, passa a ser uma pessoa pobre de espírito e que não tem permitido o próprio Senhor Jesus ser-lhe Senhor.
As vezes o que precisamos fazer é baixar a nossa cabeça e deixar a poeira passar.
Quando nos colocamos na posição de servas, então o Espírito Santo pode trabalhar em nós e nos fazer uma pessoa melhor.
Reflita melhor sobre suas atitudes, sobre o que as pessoas tem lhe dito, a humildade sempre precede a honra.

Fique bem, fique na fé...

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Frase mágica: Eu perdoou você


Quando uma pessoa me deixa chateada, ou  triste ou com raiva, a melhor coisa que eu posso fazer por ela e principalmente por mim é orar.
Do que vai me adiantar ficar com um coração amargurado e triste, não é verdade?!
Por mais que andemos em espirito, não podemos nos esquecer que somos feitos de carne e osso e não de ferro.
Nós temos sentimentos e se não estivermos bem com Deus, caímos nessas ciladas.
Perdoar é uma dádiva, mas não é fácil, mas temos quer ter em mente o seguinte: eu quero, eu posso e eu consigo.
Muitas das vezes a mágoa é uma semente escondida, você sabia?
Se você acha que não tem mágoa, pense agora em uma pessoa que você não gosta de conversar, não gosta de ficar perto, (seja por qual motivo for ) ou você não se importa e está pouco se lixando para ela...
 Ore por ela agora mesmo, mas ore com amor e com misericórdia. Não precisa fazer isso por ela, mas por você! Deixe a justiça nas mãos de Deus, faça a sua parte e Deus fará a dele.
Quando há em nós sinceridade, então Deus opera em nós uma limpeza no coração e ficamos mais leves.
Faça o teste!!!
E se livre deste sentimento que talvez vem lhe aprisionando por tanto tempo.
Se liberte amiga deste sentimento ruim que tanto lhe faz mal e seja feliz, você merece!!!

Na fé, sempre.





segunda-feira, 15 de setembro de 2014

A festa dos Tabernáculos 2014




A festa dos Tabernáculos OU Festa da Colheita era originalmente UMA  festa Agrícola , Assim Como a Páscoa e Pentecoste. Apesar Disso Deus lhe atribui um significado Histórico: a Lembrança da Peregrinação Pelo Deserto e o Sustento Pelo Senhor. A fragilidade das Tendas Que O Povo construía era UMA Lembrança da fragilidade do Povo que peregrinavam por 40 Anos no Deserto A Caminho da Terra Prometida.

ESSA FOI a festa Ordenada POR Deus Como UMA das Maneiras de Seu Povo agradecer-Lhe pelas bençãos recebidas na Época da Colheita. LEMBRE-SE de que Naquela Época não existiam Supermercados NEM Armazéns Onde PESSOAS pudessem comprar mantimentos; ELAS tinham de trabalhar duro Plantando e colhendo o Que precisavam Para comer. Elas dependiam da Graça e Cuidado de Deus, Que lhes dava o Alimento necessário para Viver.
A Palavra da Palavra latina "tabernaculum" "tabernáculo" origina-se Que significa "Uma cabana, um Abrigo Temporário". No originais hebraico A Palavra Equivalente a Sucá, Cujo plural é  Sucot.
A Festa dos Tabernáculos durava UMA Semana e Durante Este PERÍODO habitavam em Tendas construídas com ramos.
E UMA festa de regozijo e Ação de Graça. É tempo de agradecer a Deus, não só pelos alimentos, mas por tudo o que Ele nos dá.
Este ano no dia 25 de outubro, teremos ESTA linda e Espiritual festa, se você quer saber Como Participar da festa dos Tabernáculos, Adquira a SUA credencial e INFORMAÇÕES em UMA Universal Mais Perto de Você.

Não perca!

Seguidores